sábado, 28 de dezembro de 2013

QUERO TUDO DE NOVO



QUERO TUDO DE NOVO

                                                                      Fernando Pessoa (*)


Quero dançar mais. 
Comer mais brigadeiro de panela, acordar mais cedo e economizar mais. 
Sorrir mais, chorar menos e ajudar mais. 
Pensar mais e pensar menos. 
Andar mais de bicicleta. 
Ir mais vezes ao parque. 
Quero ser feliz, quero sossego, quero outra tatuagem. 
Quero me olhar mais. 
Cortar mais os cabelos. 
Tomar mais sol e mais banho de chuva. 
Preciso me concentrar mais, delirar mais.
Não quero esperar mais, quero fazer mais, suar mais, cantar mais e mais. 
Quero conhecer mais pessoas. 
Quero olhar para frente e só o necessário para trás. 
Quero olhar nos olhos do que fez sofrer e sorrir e abraçar, sem mágoa. 
Quero pedir menos desculpas, sentir menos culpa. 
Quero mais chão, pouco vão e mais bolinhas de sabão. 
Quero aceitar menos, indagar mais, ousar mais. 
Experimentar mais. 
Quero menos “mas”. 
Quero não sentir tanta saudade. 
Quero mais e tudo o mais. 
“E o resto que venha se vier, ou tiver que vir, ou não venha".



(*) Não existe certeza  de que esse texto pertença a Fernando Pessoa, e vários analistas afirmam que não o é, mas como não consegui confirmação, mantenho o nome do poeta.



FELIZ ANO NOVO!!!!


Nenhum comentário:

Postar um comentário